fbpx

1024/0602 – GESTÃO DE MÍDIAS SOCIAIS PARA INSTITUIÇÕES PÚBLICAS, ASSESSORAMENTO E GESTÃO DE GABINETES: Introdução às Mídias Sociais no Setor Público, Estratégias de Conteúdo e Engajamento, Ética nas Redes Sociais Governamentais, Gestão de Crises, Mídias Sociais como Canal de Comunicação com a Comunidade, Técnicas de Produção de Conteúdo Audiovisual para Redes Sociais, Desenvolvimento de Plano Estratégico de Mídias Sociais e Temas Relevantes para Vereança e Equipes de Assessoria

Data de início:

06/02/24

Data de Conclusão:

09/02/24

Objetivos deste treinamento

Investimento

R$ 1090,00

Carga Horária

Este curso tem duração de 17h aula, e será emitido certificado ao final do treinamento para quem cumprir mínimo de 75%. Os participantes do curso recebem certificado de participação. Nossos certificados podem ser usados para comprovação de horas extra curriculares em faculdades e cursos.

Programação

Terça-Feira:
14h: Credenciamento, Retirada de Material

14h – 17h: Turno de Aula

Quarta-feira:
09h – 11h:50min: Turno de Aula
14h – 17h: Turno de Aula

Quinta-feira:
09h – 11h:50min: Turno de Aula
14h – 17h: Turno de Aula

Sexta-feira:
08h:30min – 10:30h: Turno de Aula
11h: Entrega do Certificado.

Público Alvo

Interessados no tema em geral: Prefeito, Vice-Prefeitos e interessados em geral, Presidentes de Câmara, Vereadores, Assessores, Servidores, Agente Administrativo Legislativo, Chefes de Gabinete, Contadores, Tesoureiros, Técnicos Legislativos, Diretores de Departamento, Diretores de Câmaras, Secretários Municipais, Comissão de Orçamento, Prefeituras e Câmaras, Comissão de Licitação, Pregoeiro, Departamento de Compras, Departamento de Pessoal, Procuradores Jurídico, Secretaria de Administração, Controle Interno, Assessoria de Imprensa, Oficial de Gabinete, telefonista, recepcionista, atendimento ao público, técnico de informática e setor de informática, técnico em contabilidade, Atendimento Procons Municipais, Serviços Gerais e demais profissionais interessados no tema.

Dados de Empenho

INLEGIS – Consultoria e Treinamento
CNPJ: 30.050.141/0001-80. INSCRIÇÃO MUNICIPAL:608.267.2.0
ENDEREÇO: Rua Jerônimo Coelho, 354, centro, Porto Alegre
EMAIL: financeiro@inlegis.com.br FONE: 51-3015-5809

Temas Debatidos no Treinamento

A COMUNICAÇÃO NO ÂMBITO POLÍTICO

OS PRINCÍPIOS DA COMUNICAÇÃO EFICAZ

A COMUNICAÇÃO NO ÂMBITO POLÍTICO

O QUE É BEM SE COMUNICAR?
– Conheça sua audiência
– Planejamento antecede a ação
– Objetivo / Meta / Plano de Ação

MÍDIA TRADICIONAL E MÍDIA DIGITAL: CAMINHOS COMPLEMENTARES

COMUNICAÇÃO DIGITAL E AS DIFERENÇAS PARA A COMUNICAÇÃO TRADICIONAL

TENDÊNCIAS DAS MÍDIAS SOCIAIS PARA 2024
– Facebook
– Instagram
– YouTube
– TikTok
– WhatsApp

CONHEÇA A DINÂMICA DE CADA REDE SOCIAL
GESTÃO DE REDES SOCIAIS NO ÂMBITO DO PODER PÚBLICO
ANÁLISE DE RESULTADOS, PERFORMANCE E MÉTRICAS NAS REDES SOCIAIS
A COMUNICAÇÃO EM ANO ELEITORAL
– Princípios básicos da comunicação período pré campanha
– O que pode e o que não pode comunicar

IMPULSIONAMENTO DE PUBLICIDADE NO PODER PÚBLICO

Instrutor

Valéria Saraiva

Graduada em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda pela UFRGS, Pós- Graduada em Gestão de Vendas e Relacionamento com o Cliente. Presta Consultorias e Mentorias nas áreas de Marketing, Vendas, Gestão e Relacionamento com Clientes e Públicos. Experiência de mais de 15 anos em médias e grandes empresas do Brasil, como Grupo O Boticário e Grendene, com atuação nas áreas de Gestão Estratégica de Marketing, Comunicação e Vendas.

REDE SOCIAL E PODER PÚBLICO: QUAL A MELHOR REDE SOCIAL PARA SE ESTAR?

REDE SOCIAL E PODER PÚBLICO: QUAL A MELHOR REDE SOCIAL PARA SE ESTAR?

COMUNICAÇÃO DIGITAL: POTENCIALIZANDO A VISIBILIDADE DAS AÇÕES GOVERNAMENTAIS E O MANDATO POPULAR

ANÁLISE DE PERFIL SOCIAL: RODA DA COMUNICAÇÃO

POTENCIALIZANDO SUAS FORTALEZAS SOCIAIS

COMUNICAR É UMA PRÁTICA DE MELHORIA CONTÍNUA

TRANSMITA SUA MENSAGEM COM AUTENTICIDADE: STORYTELLING

TRANSMITINDO MENSAGENS COMPLEXAS DE FORMA ATRATIVA

REDE SOCIAL E CONEXÃO NO PODER PÚBLICO

CONEXÃO COM O CIDADÃO ATRAVÉS DA JORNADA DO HERÓI: TESTE PRÁTICO

PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS PARA REDES SOCIAIS NO PODER PÚBLICO

USANDO O PODER DE FOTOS E VÍDEOS A SEU FAVOR

ESTRATÉGIAS PARA ACERTAR NO ALGORÍTIMO DA REDE SOCIAL

PLANEJAMENTO NA REDE SOCIAL: TENHA O SEU

ORGANIZAÇÃO E EDITORIAS SOCIAIS

POSICIONAMENTO E CONSTRUÇÃO DE IMAGEM

PRÁTICA: ANÁLISE DE PERFIS NA REDE SOCIAL

DICAS PRÁTICAS DE PRODUÇÃO DE CONTEÚDO

AVALIAÇÃO DE RESULTADOS DE POSTAGENS

REDE SOCIAL COMO CANAL DE ATENDIMENTO E PERSUASÃO DOS PÚBLICOS

APLICATIVOS E FERRAMENTAS PARA AJUDAR NA PRODUÇÃO DE CONTEÚDO

GESTÃO DE REDES SOCIAIS NA PRÁTICA: CASE

Instrutor

Valéria Saraiva

Graduada em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda pela UFRGS, Pós- Graduada em Gestão de Vendas e Relacionamento com o Cliente. Presta Consultorias e Mentorias nas áreas de Marketing, Vendas, Gestão e Relacionamento com Clientes e Públicos. Experiência de mais de 15 anos em médias e grandes empresas do Brasil, como Grupo O Boticário e Grendene, com atuação nas áreas de Gestão Estratégica de Marketing, Comunicação e Vendas.

ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2024 – VEDAÇÕES, INELEGIBILIDADES E DESINCOMPATIBILIZAÇÃO:

NOVO!

ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2024 – VEDAÇÕES, INELEGIBILIDADES E DESINCOMPATIBILIZAÇÃO:

 

CONDUTAS VEDADAS AOS AGENTES PÚBLICOS MUNICIPAIS EM ANO ELEITORAL

 

INELEGIBILIDADES E DESINCOMPATIBILIZAÇÃO NAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS DE 2024:

CONCEITOS;

REGRAS APLICÁVEIS AOS AGENTES PÚBLICOS QUE DESEJAM CONCORRER A CARGOS ELETIVOS;

PROCEDIMENTOS E PRAZOS PARA GARANTIR A ELEGIBILIDADE.

 

VEDAÇÕES E NORMAS ESPECÍFICAS PARA CANDIDATOS MUNICIPAIS:

RESTRIÇÕES ESPECÍFICAS PARA CANDIDATOS A CARGOS MUNICIPAIS ELETIVOS;

LIMITAÇÕES DURANTE A CAMPANHA ELEITORAL;

COMO EVITAR PENALIDADES E GARANTIR A CONFORMIDADE.

CASOS PRÁTICOS E ANÁLISE DE JURISPRUDÊNCIA ELEITORAL

 

DISCUSSÕES SOBRE ATUALIZAÇÕES LEGISLATIVAS / NORMATIVAS E TENDÊNCIAS:

ANÁLISE DE POSSÍVEIS ATUALIZAÇÕES LEGISLATIVAS / NORMATIVAS ATÉ AS ELEIÇÕES DE 2024;

REFLEXÕES SOBRE O FUTURO DAS REGRAS ELEITORAIS MUNICIPAIS.

Instrutor

Caroline Turri

Advogada formada pela PUC/RS, Especialista em Direito Público pela ESMAFE e em Direito Eleitoral pelo Verbo Jurídico, com experiência e atuação em Consultoria nas áreas de Direito Administrativo, Cível, Empresarial, Bancário e Eleitoral. Iniciou sua carreira no Escritório Campos Garcia, onde atuava na área de Direito

PARTICIPAÇÃO POPULAR E TRANSPARÊNCIA:

Aula|quinta-manhã

PARTICIPAÇÃO POPULAR E TRANSPARÊNCIA:

 

INSTRUMENTOS DE PARTICIPAÇÃO CIDADÃ

AUDIÊNCIAS PÚBLICAS E CONSULTAS POPULARES;

MECANISMOS DE CONSULTA ONLINE;

INICIATIVA POPULAR.

TRANSPARÊNCIA PÚBLICA E ACESSO À INFORMAÇÃO:

A IMPORTÂNCIA DA DIVULGAÇÃO DAS ATIVIDADES LEGISLATIVAS;

DESTAQUES DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO.

COMISSÕES PARLAMENTARES – DA TEORIA À PRÁTICA NOS PARLAMENTOS MUNICIPAIS:

FORMAÇÃO E ATRIBUIÇÕES DAS COMISSÕES PARLAMENTARES;

DESIGNAÇÃO E RESPONSABILIDADES DO RELATOR;

DESIGNAÇÃO E RESPONSABILIDADE DOS MEMBROS DAS COMISSÕES PARLAMENTARES.

COMISSÕES DE FINANÇAS E ORÇAMENTO:

ATUAÇÃO EFETIVA EM COMISSÕES DE RELEVÂNCIA FISCAL;

PARECERES E POSICIONAMENTOS FUNDAMENTADOS.

COMISSÃO PARLAMENTAR DE INQUÉRITO (CPI):

INSTAURAÇÃO E COMPOSIÇÃO DA CPI;

OBJETIVOS E ATRIBUIÇÕES DA CPI;

PROCEDIMENTOS INVESTIGATIVOS;

DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS DOS ENVOLVIDOS;

PRAZO PARA A CONCLUSÃO DOS PROCEDIMENTOS;

RELATÓRIO CONCLUSIVO E PROVIDÊNCIAS FINAIS;

ENVIO DO RELATÓRIO AO MINISTÉRIO PÚBLICO.

O PAPEL DO PRESIDENTE E DA MESA DIRETORA DA CÂMARA NO PROCESSAMENTO DA CPI

Instrutor

José Fortunati

Deputado estadual e federal, duas vezes vice-prefeito de Porto Alegre, secretário estadual da Educação e secretário municipal do Planejamento, além de secretário Extraordinário da Copa de 2014. No seu segundo mandato como vice- prefeito, em 2008, o atual prefeito da época José Fogaça renunciou ao cargo e, desde 2010, Fortunati assumiu o comando da Prefeitura de Porto Alegre.

ATUALIZAÇÃO E ORIENTAÇÕES TÉCNICAS RELEVANTES SOBRE COMPETÊNCIA MUNICIPAL – O QUE PODE E O QUE NÃO PODE SER LEGISLADO PELO PARLAMENTO MUNICIPAL

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA A REVISÃO / ATUALIZAÇÃO DO REGIMENTO INTERNO DA CÂMARA MUNICIPAL:

 

FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DA CÂMARA DE VEREADORES

 

ÓRGÃOS:

MESA DIRETORA;

COMISSÕES PERMANENTES;

COMISSÕES TEMPORÁRIAS;

PLENÁRIO.

 

PROCESSO LEGISLATIVO: PROPOSIÇÕES, TRAMITAÇÃO, URGÊNCIA, SANÇÃO, VETO, REDAÇÃO FINAL

 

SESSÕES:

COMUNICAÇÃO;

VOTAÇÃO;

PAUTA;

ORDEM DO DIA E PRIORIZAÇÃO.

PARTICIPAÇÃO POPULAR

 

CONVOCAÇÃO EXTRAORDINÁRIA

 

VEREADORES: DIREITOS, DEVERES, PAGAMENTOS, REMUNERAÇÃO

 

CÓDIGO DE ÉTICA

 

COLÉGIO DE LÍDERES

 

PROCESSO LEGISLATIVO PARA APROVAÇÃO

 

ESTUDO DE CASO: ANÁLISE E COMENTÁRIOS DE UM REGIMENTO INTERNO

Instrutor

Guilherme Stumpf

Advogado, bacharel em direito pela UFRGS, especialista em Direito Administrativo e Gestão Pública pela Fundação do Ministério Público, mestrando em Direito pela UFRGS. Atuou como assessor da Procuradoria-Geral do Município de Porto Alegre entre 2017 e 2020. Atualmente, é assessor jurídico na Câmara Municipal de Porto Alegre.

novo!
DISPOSIÇÕES RELEVANTES PARA A PREVENÇÃO E O ENFRENTAMENTO AO ASSÉDIO

Aula | sexta-manhã

DISPOSIÇÕES RELEVANTES PARA A PREVENÇÃO E O ENFRENTAMENTO AO ASSÉDIO SEXUAL E DEMAIS CRIMES CONTRA A DIGNIDADE SEXUAL E À VIOLÊNCIA SEXUAL NO ÂMBITO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, EM CONFORMIDADE COM A LEI Nº 14.540/2023:

Objeto e abrangência da Lei;

Objetivos do Programa de Prevenção e Enfrentamento ao Assédio Sexual e demais Crimes contra a Dignidade Sexual e à Violência Sexual no âmbito da Administração Pública;

Diretrizes legais;

Obrigação / dever legal de denunciar a prática de assédio sexual e demais crimes contra a dignidade sexual, ou de qualquer forma de violência sexual.

 

CRIAÇÃO E FORTALECIMENTO DA PROCURADORIA DA MULHER NO PARLAMENTO MUNICIPAL:

Definição e objetivos da Procuradoria da Mulher.

A importância de uma Procuradoria da Mulher nos Legislativo Municipal;

Estrutura recomendada;

Designação da Procuradora ou agente responsável;

Mandato.

 

COMO CRIAR E FORTALECER A PROCURADORIA DA MULHER NO PARLAMENTO MUNICIPAL

 

MODELO DE NORMA PARA A CRIAÇÃO DA PROCURADORIA DA MULHER

Instrutor

Caroline Turri

Advogada formada pela PUC/RS, Especialista em Direito Público pela ESMAFE e em Direito Eleitoral pelo Verbo Jurídico, com experiência e atuação em Consultoria nas áreas de Direito Administrativo, Cível, Empresarial, Bancário e Eleitoral. Iniciou sua carreira no Escritório Campos Garcia, onde atuava na área de Direito

UM LUGAR PARA APRENDER
E CRESCERMOS JUNTOS

4 Salas com capacidade de 300, 120, 50 e 30 alunos: Todas são equipadas com sistema de som, telão, data show, computador, internet de alta velocidade, mesas escolares para garantir mais conforto. Tudo pensado para melhor atendê-los!

Temos orgulho em trabalhar de forma transparente  com nossos clientes. Somos mais rápidos e estamos sempre conectados, para que seu atendimento seja completo!